Terça, 14 Agosto 2018

A paciência é um grande agente

A paciência é um grande agente

"... Paciência e razão se equilibram entre si para forjar o pensamento claro. O mecanismo da razão é lento; se se força para obter rapidez, se comete leviandades e se incorre em violências. Paciência e razão fazem, pois, possível a reflexão.

A paciência é um grande agente. O que fariam a inteligência e a razão se não se servissem deste agente? O que seria do ânimo, da vontade, sem a paciência? Mas deve ser ativa, inteligente, construtiva. Quanto maior conhecimento, maior paciência ativa e construtiva. Usar da paciência com inteligência é conhecer o que ela representa como valor do tempo e é saber aplicá-lo eficazmente.

O dia e a noite se sucedem um ao outro. O homem tem que esperar a noite e depois, o dia. Entretanto, sendo os tempos iguais, a noite torna-se mais longa pela impaciência, que desperta sua consciência e lhe faz contar os minutos. É, contudo, esta consciência, uma consciência estéril. Pode-se fazer o mesmo com a paciência e alongar o dia. Inconscientemente, o tempo passa rápido; conscientemente se consegue retê-lo."

Carlos Bernardo González Pecotche (Raumsol) – Criador da Logosofia
Coleção da Revista Logosofia III pág.196

Fundação Escola de Logosofia / Escola Nova Ciência - Método Logosófico (do Berçário ao Fundamental)

Rua Luis Góis, 390, Saúde, São Paulo-SP, fone: (11) 5581 9907  contato@logosofia.net.br